Now Reading
Quem é essa Mulher?

Quem é essa Mulher?

Filme sobre a história da primeira médica negra no Brasil é exibido em Festival internacional de cinema de Curitiba

Créditos: Caio Lirio

Um móvel antigo e uma fotografia. Ao se deparar com esses dois objetos no Arquivo Público da Bahia, a pesquisadora Mayara Santos não imaginava que aquela imagem renderia uma pesquisa minuciosa e descobertas supreendentes. A fotografia nas mãos e a pergunta Quem é essa Mulher?, deram vida a trajetória de Maria Odília Teixeira e ao documentário sobre a primeira médica negra do Brasil, estreado no Olhar de Cinema – Festival Internacional de Curitiba, dias 14 e 15 de junho.

Maria Odília Teixeira esteve à frente do seu tempo. Filha de mãe negra e pai branco, a neta de ex-escravizada alforriada é um marco na história da medicina do país. Seu pioneirismo na Faculdade de Medicina da Bahia, o reconhecimento enquanto médica expresso pelos pacientes nos jornais da época e até mesmo sua abdicação da medicina para cuidar do pai e da família traduzem a coragem de uma mulher que viveu de forma livre e autêntica em uma sociedade pós-abolicionista.

Em Quem é essa Mulher? A história de Maria Odília Teixeira é apresentado de maneira leve e natural, refletindo como sua vida. Produzido por Mariana Jasper, o documentário traz Mayara Santos como personagem principal, narrando com propriedade cada etapa da sua pesquisa. As visitas às cidades do Recôncavo baiano por onde Maria Odília passou desde o seu nascimento, o foco de sua pesquisa no curso de medicina, onde, diferentemente das colegas que se dedicavam a obstetrícia discorreu sobre cirrose, a curiosa reação da sogra ao ver que o filho havia escolhido uma mulher negra para casar-se e as memórias afetivas de Sr. Leo (in memoriam), único filho vivo na época da gravação, são trechos que enchem o telespectador de curiosidade em uma linguagem contextualizada historicamente com dados e relatos.

Mayara Santos revela que esse filme é capaz de alcançar e encantar jovens e adultos com a mesma intensidade. “Para mim, este é o encontro da minha vida. Me traz muita felicidade, mesmo após todos esses anos, pois continua sendo minha prioridade. Esta jornada me presenteou com tantas pessoas, lugares e sensações, um verdadeiro privilégio e acredito que o filme é a melhor linguagem para compartilhá-la. Podia pôr em uma praça, num telão e lá vai ter uma criança de 10 anos e uma senhora de 87 sendo tocadas por essa história de alguma forma”, comenta a pesquisadora.

Quem é essa Mulher? Propõe reflexões sobre os muitos papeis inimagináveis para uma mulher no século XX, o legado e o impacto das mulheres negras na sociedade brasileira. Gênero, relações inter-raciais, trabalho, família, amor. Temas que se cruzam da antiguidade à contemporaneidade. Para a produtora Mariana Jasper, Quem é essa Mulher? É sobretudo um filme de amor. Um filme que toca a vida de duas mulheres negras separadas por um século e ao mesmo tempo conectadas. “No cinema a gente fala muito sobre questões urgentes e é comum que as questões urgentes de pessoas e mulheres negras estejam em lugares de violência, desespero, perda… Esse filme para mim tem uma questão urgente pois é um filme de amor. Quando falamos da primeira mulher negra médica no Brasil, estamos falando de racismo, estamos falando de machismo e estamos também falando de amor. Um filme de mulheres negras que amaram e estão sendo amadas, e isso é importante”, comenta.

Com uma produção que envolveu três anos de pesquisa, filmagens e edição, é roteirizado por Mariana Jaspe, Muriel Alves e colaboração de Flávia Vieira e Ricardo Gomes, que também assina a montagem. A direção de fotografia é de Fernando Marron e trilha sonora original de Fábio Stamato e a canção despreconceituosamente, de Mateus Aleluia.

Apresentado pelo Ministério da Cultura e Drogaria SP, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura e patrocínio da Bayer o documentário percorrerá os festivais de cinema do Brasil.

What's Your Reaction?
Curti
0
Descurti
0
Interessante
0
Quero
0
View Comments (0)

Leave a Reply

Your email address will not be published.

© 2020. Afro.Tv Brasil todos direitos reservados.