Now Reading
Inscrições abertas para a oficina de produção cinematográfica para mulheres

Inscrições abertas para a oficina de produção cinematográfica para mulheres

A oficina, realizada na cidade de São Paulo, conta com 60 vagas exclusivas para mulheres que buscam a chance de uma capacitação profissional na área 

As inscrições para o projeto “Mulier em Cena” estão abertas. De 1º a 25 de julho, mulheres (cis, trans, não-binário, PcD, com ou sem deficiência auditiva, com idade acima de 18 anos, com ou sem formação ou experiência prévia na área) interessadas em se especializar no audiovisual podem se inscrever, de forma gratuita, na oficina criada e idealizada pela jornalista, cineasta e fundadora da produtora Mulier Filmes, Deyse Reis. Aprovado e incentivado pelo edital 14/2023 da Lei Paulo Gustavo, o projeto acontece de 9 de agosto a 8 de outubro, em São Paulo, no espaço Nave Coletiva, do Mídia Ninja.

Com foco educativo, a oficina visa aumentar a participação feminina no mercado de trabalho audiovisual. As aulas, sobre produção cinematográfica, irão englobar desde a história do cinema do Brasil, passando pela produção geral e executiva, até distribuição de filmes.

O projeto tem como objetivo promover uma transformação significativa na indústria cinematográfica, contando com uma equipe de professoras composta exclusivamente por mulheres de destaque no audiovisual. Entre elas estão: Deyse Reis, cineasta e fundadora da produtora Mulier Filmes, com passagens por projetos na Discovery Plus, Amazon Prime, Disney Plus e HBO Max; Luciana Stipp, produtora e diretora com experiência na Netflix; Izah Neiva, diretora, produtora e atriz; Aninha Gonçalves, coordenadora de pós-produção na Paranoid Filmes, com trabalhos na Globoplay e Netflix; e Denise Jancar, executiva, distribuidora de filmes e agente de vendas.

Compondo o corpo docente, Izah Neiva ressalta a importância da oficina. “Nosso objetivo é dar ferramentas para inclusão de mais mulheres no mercado audiovisual, independentemente de sua idade. Durante a oficina, elas irão entender como se inicia uma produção, seu funcionamento, finalização, como levantar recursos financeiros, até a distribuição e comercialização”, explica.

Izah pontua ainda que a oficina cumpre bem as diretrizes da Lei Paulo Gustavo, que além de promover a expansão profissional com qualificação técnica adequada para o mercado audiovisual, pode desenvolver mulheres empreendedoras e produtoras independentes no setor.

A opinião é compartilhada por Deyse, criadora do projeto. “Quanto mais mulheres ocupam postos de liderança, mais diversas se tornam as histórias que podemos contar, os personagens que podemos criar e as vozes que podemos amplificar“, comenta.

Para Luciana Stipp, a iniciativa é valiosa e importante para abrir caminhos para as novas cineastas. “Precisamos de iniciativas como essa para capacitar mulheres e ajudá-las a alcançar seus objetivos. Vamos começar falando sobre produção, que é a base do processo de realização de um filme, mas faremos também um panorama geral sobre outras áreas para que as alunas, futuras cineastas, possam conhecer todas as áreas do cinema e escolher qual função deseja exercer no futuro”, esclarece.

Inscrições:

Os encontros, 18 no total, serão às terças e sextas, das 19h às 22h. Para promover a inclusão e o conforto das participantes, a oficina oferecerá intérpretes de Libras, espaço adaptado, material didático gratuito, certificado de conclusão de curso, coffee break e transporte gratuito para a estação de metrô mais próxima após as aulas.

As vagas são limitadas. Para se inscrever, de 1º a 25 de julho, basta acessar e preencher o formulário aqui Link ou no Instagram da Mulier Filmes (@mulierfilmes).


Informações gerais:

  • Data: 9 de agosto a 8 de outubro (terças e sextas-feiras)
  • Horário: das 19h às 22h
  • Local: Nave Coletiva – Rua José Bento 106, Cambuci
  • Quem pode participar: qualquer mulher, acima de 18 anos, com ou sem formação ou experiência na área
  • O que oferece: aulas de produção cinematográfica, certificado de conclusão, material didático, espaço adaptado, intérprete de Libras, coffee break e transporte gratuito, após a aula, para a estação de metrô mais próxima do local.

What's Your Reaction?
Curti
1
Descurti
0
Interessante
1
Quero
0

© 2020. Afro.Tv Brasil todos direitos reservados.