Now Reading
Pacto de Promoção da Equidade Racial lança GT de Filantropia Antirracista

Pacto de Promoção da Equidade Racial lança GT de Filantropia Antirracista

Empresas e organizações buscam propor, coletivamente, uma série de recomendações que aceleram a pauta racial

São Paulo, 3 de abril de 2024 – Com objetivo de abordar e combater as desigualdades raciais por meio de práticas filantrópicas antirracistas, a Associação Pacto de Promoção da Equidade Racial, em parceria com a Fundação Tide Setubal, anunciou o lançamento do “GT de Filantropia Antirracista”.

O grupo de trabalho será formado por um comitê de governança com lideranças do Instituto Unibanco, Casa Sueli Carneiro, Fundação Itaú Social, Ibirapitanga, Cedra e Geledés, que se concentrará em estimular a educação, sensibilização, análise, avaliação, parcerias, colaborações, advocacia e influência para promover a justiça e a equidade racial.

O lançamento aconteceu durante evento presencial realizado no Edifício New Century, em São Paulo, sede do Escritório Daniel Law, Empresa Signatária do Pacto, e reuniu representantes de importantes instituições, como CIEDS B3 Social, IDIS, Brasil Foudation, IACP, Ibirapitanga, CEDRA, Editora Mol, Anbima, Vale, Open Society, – Fundo Baobá, SIMBIOSE SOCIAL, Instituto Votorantim e muitos outros. Durante o encontro foram apresentadas uma série de recomendações estratégicas para empresas, fundos familiares e patrimoniais.

Para o diretor executivo do Pacto, Gilberto Costa, a criação do GT permitirá uma resposta mais eficaz e direcionada às desigualdades raciais, abordando as causas subjacentes e promovendo mudanças significativas e sustentáveis. “Estamos comprometidos em reunir uma equipe diversificada e engajada, capaz de desenvolver estratégias inovadoras e colaborativas para enfrentar o racismo e promover a equidade racial em todas as esferas da sociedade. Essa será mais uma para olhar com atenção e atender com urgência à demanda filantrópica e negra no país”, afirmou Gilberto.

As organizações se reunirão regularmente para discutir estratégias, identificar áreas de oportunidade e trabalhar coletivamente para alcançar e fomentar a implementação de programas e projetos que visam o combate das desigualdades de gênero e raça. Além disso, ao longo do projeto, será desenvolvido um manual que oriente empresas, fundos filantrópicos e filantropos para acelerar essa agenda.

 “O cenário de desigualdade racial, majoritário na sociedade brasileira, se expressa também no setor privado e nas organizações da sociedade civil. É preciso contar com empresas, filantropos, fundos patrimoniais que se preocupem com essas mudanças fundamentais para promover uma transformação significativa e duradoura. É necessário que esses organismos e organizações se comprometam ativamente em adotar práticas antirracistas e promover a inclusão e a equidade em todas as suas operações e iniciativas de responsabilidade social e essa é umas das principais propostas do GT”, explica Neca Setubal, presidente da Fundação Tide Setubal.

“Sabemos que a filantropia é uma ferramenta importante para combater as desigualdades sociais presentes no Brasil, e que, sem o olhar atento para as temáticas raciais, este tipo de ação pode acabar por não ser tão efetivo em combater estas disparidades. Nesse sentido, o GT de Filantropia Antirracista, guiado pelo Pacto de Promoção da Equidade Racial, tem potencial significativo para promover a equidade e a justiça racial. A Daniel, através de seu programa Daniel Plural, vem desenvolvendo ações para combater o racismo estrutural que permeia nossa sociedade e apoia mais esta iniciativa”, afirma Bruna Souza, head de gente & cultura da Daniel Advogados.

Para mais informações acesse o site.

GT Filantropia Antirracista / Divulgação

View Comments (0)

Leave a Reply

Your email address will not be published.

© 2020. Afro.Tv Brasil todos direitos reservados.