Now Reading
Programa de Aceleração – microempreendedores do segmento de Economia Criativa tem inscrições abertas até 24 de março.

Programa de Aceleração – microempreendedores do segmento de Economia Criativa tem inscrições abertas até 24 de março.

Iniciativa da Vale do Dendê em parceria com Aipê – Aliança pela Inclusão Produtiva beneficiará negócios das áreas de consumo, mídias, cultura e tecnologia.

Estão abertas as inscrições para o Programa de Aceleração Economia Criativa 2024. Nano, micro e pequenos empreendedores de Salvador e Região Metropolitana com negócios em estágio inicial ou estabelecidos nas áreas de Consumo, Mídias, Cultura e Tecnologia podem inscrever-se até dia 24 de março de 2024 pelo site da Vale do Dendê (www.vdd.org)

O Programa de Aceleração em Economia Criativa 2024  é desenvolvido pela Vale do Dendê em parceria com a Aipê (Aliança pela Inclusão Produtiva)  e visa estimular o desenvolvimento e o aprimoramento técnico, por meio de  capacitações e acesso à ferramentas de qualificação técnica que propiciem melhorias na gestão e aumento de suas capacidades produtivas.

Dividido em duas fases (Pré-aceleração e Aceleração), o programa irá selecionar 30 empreendedores. Ser liderado, preferencialmente, por pessoas autodeclaradas pretas ou pardas, possuir CNPJ ativo de Microempreendedor Individual – MEI e pertencer ou atuar em regiões periféricas de Salvador ou RMS são alguns dos critérios estabelecidos no edital para candidatura ao programa.

Os negócios selecionados também irão integrar a rede de Negócios da Vale do Dendê e terão acesso aos seus associados/parceiros e investidores, além de participar de mentorias com especialistas no mercado, capacitações e treinamentos, consultorias exclusivas e investimentimento de capital semente para os que avançarem para a fase de aceleração, desde que cumpram todos os critérios estabelecidos durante a realização do Programa.

O Programa de Aceleração de Economia Criativa – 2024  soma uma série de acelerações desenvolvidas pela Vale do Dendê, totalizando 16 iniciativas com uma rede composta por mais de 300 acelerados. Paulo Rogério Nunes, cofundador da Vale do Dendê destaca que esse é o terceiro ciclo de apoio à Economia Criativa pela organização, pois se trata de um segmento estratégico para a Economia Brasileira e em especial da Bahia. “Temos todo o potencial de liderarmos a indústria criativa na América Latina com investimentos corretos, treinamentos e networking e esses são os principais elementos de nossa Aceleração”.

As inscrições são gratuitas e devem ser realizada exclusivamente pelo formulário eletrônico disponível no site da Vale do Dendê (www.valedodende.org) até às 23h59 do dia 24/03/2024.

Sobre a Vale do Dendê

A Vale do Dendê é uma organização social criada para fomentar ecossistemas de inovação e diversidade, tendo como foco sede a cidade de Salvador, Bahia, mas com ações em todo o Brasil. A organização, que possui uma aceleradora e hubs de impacto social, iniciou-se em novembro de 2016 e desde então já fomentou ecossistemas diversos em áreas como Gastronomia, Moda, Tecnologia, Games, Podcast e Música. Já foram aceleradas mais quase 300 empresas em ciclos de treinamento, consultorias, networking e doações financeiras.

Além disso, mais de 1000 empresas já participaram de atividades da organização, que mantém sua sede na principal estação de metrô e ônibus do Norte e nordeste, onde passam mais de 500 mil pessoas por dia e acaba de inaugurar um hub de eventos no Pelourinho, Centro Histórico de Salvador.

Sobre a Aipê

A AIPÊ (Aliança pela Inclusão Produtiva) é resultado da união de instituições com conhecimento e experiência reconhecidos para a geração de trabalho e renda visando impactar positivamente populações em situação de vulnerabilidade socioeconômica através da inclusão produtiva. Juntos, Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Fundação Arymax, Fundação Tide Setubal, Instituto humanize, Instituto HEINEKEN, Instituto Votorantim e Santander reuniram recursos não reembolsáveis que serão aportados em chamadas públicas com recortes específicos, para gerar trabalho e renda. Acesse para mais informações www.aipe.org.br

Para a chamada de Empreendedorismo Urbano Periférico, também contamos com a parceria de Ambev e B3 Social.

View Comments (0)

Leave a Reply

Your email address will not be published.

© 2020. Afro.Tv Brasil todos direitos reservados.